Di Lua | Inspirando você a viajar mais e viver experiências transformadoras

O Blog Di Lua te ajuda a planejar todas as etapas de sua viagem, desde a tirar passaporte até o que fazer em diversos lugares. Dicas de Viagem e Roteiros

10 museus de Goiânia que você precisa conhecer (inclusive online)

Diversos museus de Goiânia podem ser visitados virtualmente nestes tempos de pandemia. Dessa forma, é possível viajar pela história da cidade, da pré história e até ver fosseis.

Por isso, nesta 19ª Nacional de Museus, promovida pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), separei alguns para você conhecer, inclusive online.

Museu Pedro Ludovico

dez museus de Goiânia online lary di lua

Através de artigos e objetos pessoais da família Teixeira, esse Museu ajuda a contar não só a história deles, mas também dos primeiros anos da nova capital de Goiás.

Ele funciona na casa em que vivia Pedro Ludovico Teixeira, sua esposa Gercina Borges e os filhos, próximo a Praça Cívica. Portanto, a construção, assinada por Atilio Corrêa Lima, é um dos exemplares de Art Déco.

O Museu Pedro Ludovico stá localizado na Rua Gercina Borges esquina com a Rua 25 no Centro. Ele abre de segunda a sexta, das 9h às 17h, e aos finais de semana e feriados das 9h às 15h. A Entrada é gratuita. 

Além disso, é possível conhecê-lo virtualmente no site da SEDUC ou através do vídeo abaixo, que fiz em 2018.

Museu Municipal Frei Confaloni 

Inaugurado em 2019, esse é um dos museus de Goiânia inaugurado recentemente. Ele está localizado na antiga Estação Ferroviária da cidade e conta com painéis e peças de Frei Confaloni, uma vez que ele foi um importante artista de 1950.

Além disso, o Museu Frei Confaloni conta também com um espaço para exposições temporárias, a Galeria Luiz Curado. Antes da pandemia, o local era palco de eventos culturais e shows musicais.

dez museus de Goiânia online lary di lua

Museus de Goiânia – Memorial do Cerrado

Esse é um dos museus de Goiânia da Pontifícia Universidade de Goiás (PUC-GO). Ele faz parte dos projetos do Instituto do Trópico Subúmido e, dessa forma, retrata as diversas formas de ocupação do cerrado, bem como a origem da Terra até a chegada dos portugueses ao Brasil.

O Memorial do Cerrado conta com os seguintes espaços:

  • Museu de História Natural – com fósseis datados de até 600 milhões de anos, bem como painéis ilustrativos;
  • Vila Cenográfica de Santa Luzia –  reconstrução em tamanho original dos primeiros povoados coloniais no Brasil;
  • Aldeia indígena – em modelo Timbira;
  • Quilombo – local de resistência das populações africanas que fugiam da escravidão;
  • Espaço de Educação Ambiental Dalila Coelho Barbosa;
  • Trilhas Ecológicas

Ele está localizado no Campus II da PUC-GO, na Avenida Engler, Jardim Mariliza. A entrada para adultos custa R$12 e meia para crianças.

Zoroastro Artiaga

Fundado em 1946, esse é o primeiro museu de Goiânia e conta com um acervo sobre a história da terra e formação geopolítica de Goiás. Portanto, é possível ver fósseis da pré-história, objetos de arqueologia e mineração colonial. Ou seja, é um passeio pela origem do planeta até os dias atuais.

O Zoroastro Artiaga está localizado na Praça Cívica e funciona de terça-feira à sexta-feira, das 9:00 às 17 horas. E aos sábados, Domingos e Feriados, das 9:00 às 15:00 horas. A entrada é gratuita, mas também é possível visitá-lo online aqui.

Museu da Imagem do Som (MIS)

Localizado também na Praça Cívica, esse é um dos museus de Goiânia que visa reunir e preservar as diversas formas de expressão histórica, bem como artística e cultural do Estado. Portanto, seu acervo inclui discos, fitas cassete, películas e fotografias.

Além disso, o Museu da Imagem do Som também desenvolve ações de pesquisa, preservação e comunicação, atendendo principalmente pesquisadores dessas áreas.

Ele está localizado no Centro Cultural Marieta Telles Machado, na Praça Cívica.

Museu de Arte Contemporânea de Goiás

Com um acervo composto por mais de 1.200 obras, entre pinturas, fotografias, instalações e esculturas, esse museu visa preservar, pesquisar e expor obras dos acervos estaduais. Além disso, ele também estimula a produção de artistas nacionais e internacionais.

O Museu de Arte Contemporânea de Goiás foi criado no ano de 1988. Dessa forma, já recebeu exposições de Rodrigo Godá, Siron Franco, Nilva Morais, Pitágoras, Paulo Leminski, entre outros.

Ele está localizado no Centro Cultural Oscar Niemeyer, na Fazenda Gameleira. Contudo, também pode ser visitado virtualmente no site da SEDUC.

Funcionamento: Terça a sexta-feira, das 10:00 às 16:00 horas e Sábado, domingo e feriado, das 11:00 às 17:00 horas

Museu de Arte de Goiânia

Esse também é um dos museus de Goiânia mais antigos, e é tido como o primeiro destinado à artes plásticas da região Centro-Oeste. Afinal, ele foi criado na década de 70 e está situado no Bosque dos Buritis.

Seu objetivo é abrigar adequadamente diversas obras e estimular a divulgação da produção artística nacional e internacional. Nesse sentido, conta com três salas de exposição, uma delas localizada no Palácio da Cultura, na Praça Universitária.

Conheça o Museu de Arte de Goiânia virtualmente através do seu Instagram.

Museu Antropológico da UFG

dez museus de Goiânia online lary di lua
Reprodução Jornal UFG

Por meio de documentação, preservação e ações educativas, essa instituição sem fins lucrativos tem como objetivo estudar o modo de vida do homem no Centro-Oeste. Sendo assim, ele possui um importante acervo sobre os povos indígenas, principalmente do Xingu.

O Museu Antropológico está vinculado à Pró-Reitoria de Pesquisa e Inovação (PRPI) da Universidade Federal de Goiás (UFG) e foi criado em junho de 1969.

Museu de Ornitologia 

Considerado o maior museu do Mundo sobre ornitologia, esse foi fundado em 1968 pelo cientista húngaro José Hidasi. Dessa maneira, ele conta com um grande biblioteca sobre o assunto, laboratório de Taxidermia, exposição de peças pré-históricas e curiosidades do mundo animal.

Ele está localizado na Avenida Pará, Nº 395, em Campinas.

dez museus de Goiânia lary di lua
Reprodução Curta Mais

Museu de Zoologia José Hidasi

Esse é um pequeno museu localizado dentro do Zoológico de Goiânia. Portanto, ele conta com mais de 300 espécies de animais taxidermizados, principalmente aves. O destaque fica para o jacaré-açu Jacinto, o maior réptil do País a viver em cativeiro.

Outro animal empalhado que chama atenção, é o leão Guru. O animal era o “vigia” de uma madeireira no centro de Goiânia na década de 80, mas acabou matando uma criança após escapar do cercado em que vivia. Saiba mais aqui.

O Zoológico de Goiânia foi reaberto no último dia 12, depois de ficar 70 dias fechado por causa da pandemia. Por isso, está funcionando apenas com 50% da sua capacidade de lotação, de quarta a domingo, das 8h30 às 17h. Os ingressos só são vendidos até às 16h na portaria, e custam R$5 inteira e R$2,50 a meia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Voltar ao topo