Di Lua | Inspirando você a viajar mais e viver experiências transformadoras

O Blog Di Lua te ajuda a planejar todas as etapas de sua viagem, desde a tirar passaporte até o que fazer em diversos lugares. Dicas de Viagem e Roteiros

Roteiro de 4 dias em Lisboa – O que fazer na capital portuguesa?

Roteiro de 4 dias em Lisboa lary di lua
Arcos da Augusta visto da Praça do Comércio

Um Roteiro de 4 dias em Lisboa é perfeito para você conhecer não só a cidade, mas também Sintra, que fica a 25km da capital portuguesa. 

Primeiro porque os atrativos principais são bem próximos um dos outros. Então em um dia você consegue fazer muita coisa. Em seguida, o transporte público em Lisboa é bem em conta. Para se ter ideia, uma viagem avulsa de autocarro (ônibus) custa 2€. Já com o cartão Viva Viagem, a viagem custa apenas 1,35€ e você ainda pode mudar de veículo em até 1h. Ou seja, fica muito barato e fácil se locomover pelo local.

Portanto, se você está se programando para conhecer Lisboa em 2023, esse post é para você!

Roteiro 4 dias em Lisboa

Eu estive em Lisboa dos dias 19 a 23 de novembro de 2022. No entanto, no dia 23 eu saí da casa da minha amiga, onde fiquei hospedada, por volta das 7h da manhã para ir para o aeroporto. Então só aproveitei de fato 4 dias. Veja a seguir tudo o que fiz nesse dia.

Dia 1

Eu saí do Porto por volta das 08h da manhã e cheguei em Lisboa por volta de 12h. Isso porque são cerca de 315km de uma cidade a outra, e em média 4h de viagem. Dessa forma, cheguei na estação Oriente e fui direto para a casa da minha amiga, que mora na região do Chelas. Assim, depois de almoçar fomos para o centro da cidade aproveitar a tarde.

Pegamos um autocarro e descemos na Rua da Prata, pertinho do Arco da Rua Augusta. De lá fomos a pé até a Igreja de Santo Antônio, passamos pela Praça do Comércio, depois Pink Street e Chiado.

No geral, eu achei que consegui conhecer muito em pouco tempo e indico esse roteiro menorzinho para fazer no primeiro dia de viagem, principalmente se você está indo para Lisboa do Brasil. A maioria dos voos partem de São Paulo por volta das 21h e chega no Aeroporto Humberto Delgado às 12h. Isso porque são aproximadamente 10h de viagem e uma diferença de fuso de 4h. Além disso, é preciso calcular ainda cerca de 2h para sair do aeroporto, uma vez que tem filas para passar na imigração e o tempo de pegar a mala. Ou seja, você provavelmente vai chegar na acomodação por volta das 15h.

Igreja Santo Antônio de Lisboa

Roteiro de 4 dias em Lisboa lary di lua

Embora muitas pessoas acreditem que Santo Antônio seja da Itália, o Santo Casamenteiro na realidade nasceu em Portugal, no local onde hoje há uma igreja em sua homenagem e um museu com objetos pessoais e da família, bem perto da Praça do Comércio.

Nascido Fernando Martins de Bulhões, no ano 1190, com 20 anos ele ingressou no Mosteiro de São Vicente de Fora e iniciou os estudos teológicos. Anos depois, já intitulado sacerdote,  ele se interessou pelo carisma franciscano, que pregava a aproximação à natureza e uma vida mais simples. Fernando então muda de ordem religiosa e de nome, passando a ser chamado Antônio. 

Após anos de pregações, o santo faleceu no dia 13 de junho de 1231, em Pádua, na Itália. Sua canonização aconteceu em menos de um ano, em 1232. 

Praça do Comércio

Também conhecida como Terreiro do Paço, essa praça tem mais de 30 mil m2 e é cheia de estátuas históricas, museus, teatros, restaurantes, artistas de rua e muitos turistas. Assim, é quase parada obrigatória na cidade. 

Além da vista para o Rio Tejo e para a Ponte 25 de Abril no horizonte, ela já foi palco também de muita história. A primeira Praça do local foi destruída pelo grande terremoto de 1755 e depois reconstruída pelo Marquês de Pombal. Cerca de 150 anos depois, o rei D. Carlos e seu filho foram assassinados no local.

Pink Street

Ponto da boemia de Lisboa, com bares e boates, a Pink Street ou Rua Cor de Rosa trata-se de uma intervenção urbana realizada em 2013 na Rua Nova do Carvalho. Dessa maneira, é um bom lugar para conhecer a noite lisboeta. Durante o dia, vale a pena passar por lá para fotografar, uma vez que em 2021 a Rua ganhou guarda-chuvas coloridos para celebrar o mês do orgulho LGBT na cidade.

Chiado

Bairro bastante conhecido na capital portuguesa, o Chiado foi lar de muitos artistas famosos no início do Século XX. Hoje é conhecido por suas lojas elegantes, edifícios históricos, livrarias e cafés, que juntos dão tom ao contraste entre o clássico e o moderno. 

Você pode simplesmente andar sem rumo pelo local, como eu fiz, ou elencar alguns lugares para conhecer, como: Convento do Carmo, Teatro São Carlos, Museu Nacional de Arte Contemporânea, Ascensor da Bica, Miradoura de Santa Catarina e a Praça Luís de Camões, que tem uma estátua do  escritor português do século XVI.

Dia 2

Neste roteiro de 4 dias em Lisboa, reservei o domingo para conhecer o Castelo de São Jorge e o Miradouro de Santa Luzia.

Não me lembro o motivo exato, mas eu e minha amiga pegamos o autocarro e descemos na Praça do Comércio. De lá fomos andando até a Sé de Lisboa e Alfama, onde fomos no Miradouro de Santa Luzia e Porta do Sol. Em seguida, seguimos a pé até o Castelo de São Jorge.

Acabamos comendo no McDonalds da Praça do Rossio, onde acontecia uma feira de Natal.

Miradouro de Santa Luzia

Localizado na Alfama, essa é uma área elevada com vistas para a cidade e o Rio Tejo. Seus pergolados cheios de bougainvilles e a presença de artistas de rua deixam o local ainda mais romântico. Não deixe de conhecer este Miradouro, que é gratuito.

Portas do Sol

Ao lado do Miradouro de Santa Luzia, esse é outro local para admirar a cidade, e conta com quiosques de comidas e restaurantes.

Castelo de São Jorge

Construído para proteger a cidade dos romanos, sob a invocação de São Jorge, esse Castelo está localizado em um dos pontos mais altos de Lisboa. Portanto, além de poder entrar em uma fortaleza medieval, conhecer sua história, você ainda terá vistas belíssimas da cidade.

O local foi importante em diversos momentos da formação do país, tanto que em 1255, quando Lisboa tornou-se capital do reino, foi elevado a Paço Real e mais tarde a Paço da Alcáçova. Foi nele também que Vasco da Gama foi recebido após descobrir o caminho marítimo para as Índias.

A visita ao Castelo de São Jorge acontece diariamente, das 10h às 20h e custa 15 €. No entanto, crianças e jovens até 25 anos, bem como idosos maiores de 65 anos pagam valores reduzidos.

Praça do Rossio

Chamada oficialmente de Praça Dom Pedro IV, esse lugar está bem no centro de Lisboa e é cercada por restaurantes, café e lojas. Quando estive lá, no final de novembro, havia uma charmosa feirinha de Natal.

Perto dali fica a Estação Ferroviária do Rossio, que tem uma imponente fachada construída em 1887 e o Teatro Nacional Dona Maria II, construído em 1842.

Roteiro 4 dias em Lisboa – Dia 3

No meu terceiro dia na capital portuguesa, passei a manhã na região do Parque das Nações, onde fica a Estação Oriente e o Pavilhão de Ciências, mas que estava fechado por ser segunda-feira.

À tarde fui encontrar uma amiga na região de Belém e conhecer as atrações dali, como o Padrão dos Descobrimentos e a Torre de Belém.

Parque das Nações

O Parque das Nações é um bairro moderno que surgiu após a revitalização, em 1998, de uma área industrial abandonada no Rio Tejo. Hoje o lugar conta com espaços verdes, galerias de arte à céu aberto, restaurantes em frente ao Rio Tejo, a Estação Oriente, entre outros. Ele ainda abriga o Oceanário de Lisboa, o Pavilhão de Ciência, bem como o Teatro Camões e o Centro Comercial Vasco da Gama, com lojas e cinemas.

Padrão dos Descobrimentos

Esse monumento foi construído em 1960 em comemoração aos 500 da morte do Infante D. Henrique, um grande entusiasta da expansão marítima. O Padrão dos Descobrimentos, feito de betão e cantaria de pedra rosal de Leiria, é tão imponente que é visto assim que se chega de avião na capital portuguesa.

Um primeiro Padrão havia sido construído em 1940 para a Exposição do Mundo Português, mas com materiais perecíveis.

Roteiro de 4 dias em Lisboa – Torre de Belém

Construída como ponto de vigia da cidade, a Torre de Belém é um monumento cheio de história e curiosidade. Ela foi feita dentro do rio Tejo, mas com o passar dos anos as águas foram regredindo e hoje ela se encontra em terra firme. Além disso, é um grande exemplar do estilo manuelino mas também com muita influência da arte mourisca (árabe), evidente na decoração de janelas e varandas curvas.

Mosteiro dos Jerônimos

Roteiro de 4 dias em Lisboa lary di lua

Classificado como Património Mundial pela UNESCO desde 1983, o Mosteiro de Santa Maria de Belém foi construído no final do século XV pelo rei D. Manuel I e entregue à Ordem de São Jerónimo ( por isso é popularmente conhecido como Mosteiro dos Jerónimos). Hoje a construção é tida como uma das principais igrejas-salão da Europa e é o conjunto mais notável de Portugal.

Sua arquitetura manuelina (estilo romântico com muita influência arabe) é o que mais me chamou a atenção.

Fábrica Pastel de Belém

Você encontra pastel de nata em diversos lugares não só em Lisboa, mas em todas as cidades portuguesas. Contudo, os primeiros doces foram comercializados pela Fábrica de Belém em 1837 a partir de receitas do Mosteiro dos Jerónimos. Assim, é um lugar que precisa estar em seu roteiro de 4 dias em Lisboa. 

Dia 4

No meu último dia em Lisboa, acordei cedo e peguei um comboio para conhecer Sintra, cidade a 25km da capital, famosa por seus casarões coloridos e palacetes, entre eles o Palácio da Pena.

Eu passei quase o dia todo na cidade, mas por conta da chuva e do vento frio, conheci apenas o Parque e Palácio da Pena, o centro histórico da cidade e o Museu de História Natural.

Palácio Nacional da Pena

Este palácio, localizado na Serra de Sintra, é conhecido como uma joia da coroa portuguesa. Afinal, ele é expoente máximo do Romantismo em Portugal e carrega um grande legado de Dom Fernando II. Portanto, além de admirar sua arquitetura com bastante influência arabe, você ainda verá muitos objetos e móveis da família real totalmente preservados. 

Além disso, o colorido Palácio da Pena está situado dentro do Parque da Pena, cercado bosques que mais parecem ter saído de um conto de fadas.

O ingresso para entrar no Castelo custa 14€, mas no dia que eu fui tinha a opção de entrar apenas no Parque e custava 7€.

Centro Histórico

O Centro Histórico de Sintra é daqueles bem charmosos, com bares, restaurantes, lojas de artesanato e alguns labirintos. Eu aproveitei para experimentar a Ginjinha, uma bebida típica de Portugal e com origem em Óbidos, bem como um Travesseiro de Sintra, um doce típico da região recheado com creme doce. 

Museu de História Natural

Para completar seu dia em Sintra, não deixe de conhecer esse museu que conta com 

um importante acervo de paleontologia, mineralogia e petrografia. É um passeio bem legal, principalmente se você tiver crianças. Ademais, a entrada é gratuita.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Voltar ao topo